vendas@camisetafeitadepet.com.br
(11) 2386-6742 / 2386-6762
(11) 2386-6762
27 mar 2017

Camiseta Ecológica Atacado

A empresa Camiseta Feita de Pet é uma fábrica com sede em São Paulo que produz as camisetas ecológicas e sustentáveis com  altíssima qualidade e melhor preço.

Possui fabricação própria e tem em suas estampas que são exclusivas temas orgânicos, ecológicos, sustentáveis, naturais e de garrafas pet.

As peças são produzidas com silk screen, transfer e sublimação .
Leia mais

21 mar 2017

Camisetas Ecológicas Atacado

A camiseta ecológica como já vimos tem na sua composição têxtil 50% de pet reciclado e 50% de algodão. Ela é considerada uma camiseta ecológica porque tira duas garrafas de dois litros do meio ambiente.

A Camiseta Feita de Pet vende camiseta ecológica no atacado a partir de 50 unidades.

Essa camiseta ecológica tem tecnologia que respeita o meio ambiente, reduz o impacto ambiental de plástico no meio ambiente, além disso, é confortável e duradoura.

Leia mais

16 mar 2017

Camiseta Sustentável Camiseta Feita de Pet

A Moda sustentável Idealizada e fundada pela Camiseta Feita de Pet encara a moda como uma maneira prática e palpável de atuar em prol do planeta.

Você sabe o que é uma camiseta sustentável?

Nós sabemos que a camiseta sustentável é um veículo de comunicação, que expressa mensagens e ícones de responsabilidade social, preservação da natureza e desenvolvimento sustentável, porque ele tem na sua composição têxtil 50% de algodão e 50% de pet reciclado de garrafas.

Leia mais

31 ago 2016

Saiba qual é o segredo da Suécia para reaproveitar 99% do lixo

Mesmo que hoje a Suécia seja uma referência internacional em manejo dos resíduos, nem sempre foi assim.

Enquanto no Brasil mais da metade dos municípios não têm sequer aterros sanitários, na Suécia praticamente todo o lixo produzido tem uma destinação correta e o mais importante: valor comercial. Atualmente 99% dos resíduos produzidos pelos suecos é reaproveitado, o 1% que sobra vai para aterros sanitários.

Mesmo que hoje a Suécia seja uma referência internacional em manejo dos resíduos, nem sempre foi assim. Até a década de 70, o país era como mais da metade do mundo, com o lixo simplesmente enviado aos aterros, permanecendo durante centenas de anos liberando toxinas no solo e gases poluentes no ar. Em 1975, apenas 38% dos resíduos suecos eram reciclados.

Leia mais

26 ago 2016

Tóquio pode ter medalhas olímpicas feitas de lixo eletrônico

O Japão é um dos principais consumidores de equipamentos eletrônicos do mundo e cada aparelho possui metais preciosos.

Os jogos olímpicos do Rio acabaram e agora foi dada oficialmente a largada para o preparo da próxima olimpíada, a ser realizada em Tóquio, em 2020. Entre os desafios dos japoneses está a missão de reduzir os impactos ambientais do evento esportivo. Para isso, um dos planos é produzir as medalhas olímpicas a parte de resíduos eletrônicos reciclados.

A ideia surgiu a partir da preocupação ambiental, mas principalmente porque o Japão quase não produz metais preciosos. Por outro lado, a nação é uma das principais consumidoras de equipamentos eletrônicos do mundo e cada um desses aparelhos possui um pouquinho de ouro e outros metais importantes em sua composição.

O desafio

Para se ter ideia do tamanho do desafio, em Londres, por exemplo, os ingleses gastaram 9,6 kg de ouro, 1.210 kg de prata e 700 kg de cobre para fabricar as medalhas entregues aos atletas na olimpíada e paralimpíada de 2012. A quantidade de ouro é menor porque as medalhas de ouro possuem apenas 1,2% deste metal em sua composição. A base é feita, principalmente de prata. No Rio de Janeiro foram entregues 5.130 medalhas e a expectativa é de que em Tóquio o número seja ainda maior.

Leia mais

23 ago 2016

Em apenas 4 anos, casal transforma quintal em mini-fazenda urbana

Pós uma grave crise econômica, o casal Mike Hoang e Kim Willis se viu praticamente obrigados a se reinventarem. Eles saíram de uma grande cidade e se mudaram para a pequena Kalamzoo, cidadezinha que também passava por dificuldades econômicas. Com um quintal inutilizado e curiosidade sobre a permacultura, eles decidiram começar a plantar uma hortinha. Quatro anos depois eles até se assustam com o tamanho da produção obtida no próprio quintal.

Segundo eles, tudo começou com o conselho do professor de permacultura Bill Molison, baseado no pensamento do “pai” desde conceito, o australiano, Geoff Lawton, que diz: “O melhor lugar para começar é ao seu redor”. E foi assim que eles começaram um pequeno canteiro no jardim da residência.

Leia mais

19 ago 2016

Mexicanos transformam lixo plástico em casas de baixo custo

Buscando resolver dois grandes problemas das metrópoles: a falta de moradia e a destinação incorreta do lixo plástico, uma dupla do México desenvolveu um método para construção de casas utilizando resíduos plásticos.

São usados materiais plásticos que há em abundância pelas ruas: garrafas vazias e brinquedos descartados. A matéria-prima é derretida para formar grandes painéis, que são usadas como paredes e tetos.

Leia mais

17 ago 2016

Chuveiro com sensor desliga assim que a pessoa sai de baixo da água

O chuveiro é um grande vilão doméstico quando se trata de desperdício de água e energia. Desligar o registro é um jeito simples de economizar, mas nem todo mundo lembra deste simples detalhes na hora do banho. Por isso, Evan Shneider, um jovem norte-americano decidiu criar o OaSense, um chuveiro que desliga assim que a pessoa sai de baixo da água.

A lógica por trás do equipamento é muito simples: cortar o consumo de água e energia quando eles não são necessários. Isso significa não desperdiçar recursos enquanto o usuário está se ensaboando ou lavando o cabelo, por exemplo.

Com um sensor acoplado próximo à saída de água, assim que o usuário se desloca para fora da área do chuveiro, ele simplesmente para de funcionar, sendo retomado quando a pessoa retorna ao espaço. O processo é o mesmo das torneiras equipadas com sensores.

Leia mais

02 mar 2015

Preservação ambiental

A preservação ambiental  é uma prática de proteger o ambiente natural em níveis individuais, organizacionais ou governamentais, para o benefício tanto do meio ambiente e como seres humanos.

A proteção ambiental é influenciada por três fatores interligados: legislação ambiental, ética e educação. Cada um desses fatores desempenha o seu papel em influenciar decisões ambientais a nível nacional e os valores e comportamentos ambientais a nível pessoal. Para que a proteção do meio ambiente se torne uma realidade, é importante que as sociedades desenvolvam cada uma dessas áreas que, em conjunto, irão informar e conduzir as decisões ambientais.

A empresa Camiseta Feita de Pet, que está instalada em São Paulo, fabrica camisetas ecológicas em mais de 10 modelos e 16 cores, e trabalha incansavelmente pela preservação ambiental. A empresa tem um projeto chamado de “eu faço a diferença no mundo que recolheu com ações ambientais no ano de 2014, 10 toneladas de garrafas pet”.

A preservação ambiental é fruto do trabalho de educação ambiental praticado nas escolas públicas e particulares e tem como objetivo principal formar crianças que saibam a importância da preservação ambiental e suas diretrizes no dia a dia.

Quais ações você tem feito para preservação ambiental?

Você separa os resíduos?

Você pratica o consumo consciente?

Quer saber mais sobre o nosso projeto de preservação ambiental?

Acesse www.projeto.camisetafeitadepet.com.br Vista essa ideia