vendas@camisetafeitadepet.com.br
(11) 2386-6742 / 2386-6762
(11) 2386-6762
31 ago 2016

Saiba qual é o segredo da Suécia para reaproveitar 99% do lixo

Mesmo que hoje a Suécia seja uma referência internacional em manejo dos resíduos, nem sempre foi assim.

Enquanto no Brasil mais da metade dos municípios não têm sequer aterros sanitários, na Suécia praticamente todo o lixo produzido tem uma destinação correta e o mais importante: valor comercial. Atualmente 99% dos resíduos produzidos pelos suecos é reaproveitado, o 1% que sobra vai para aterros sanitários.

Mesmo que hoje a Suécia seja uma referência internacional em manejo dos resíduos, nem sempre foi assim. Até a década de 70, o país era como mais da metade do mundo, com o lixo simplesmente enviado aos aterros, permanecendo durante centenas de anos liberando toxinas no solo e gases poluentes no ar. Em 1975, apenas 38% dos resíduos suecos eram reciclados.

Leia mais

26 ago 2016

Tóquio pode ter medalhas olímpicas feitas de lixo eletrônico

O Japão é um dos principais consumidores de equipamentos eletrônicos do mundo e cada aparelho possui metais preciosos.

Os jogos olímpicos do Rio acabaram e agora foi dada oficialmente a largada para o preparo da próxima olimpíada, a ser realizada em Tóquio, em 2020. Entre os desafios dos japoneses está a missão de reduzir os impactos ambientais do evento esportivo. Para isso, um dos planos é produzir as medalhas olímpicas a parte de resíduos eletrônicos reciclados.

A ideia surgiu a partir da preocupação ambiental, mas principalmente porque o Japão quase não produz metais preciosos. Por outro lado, a nação é uma das principais consumidoras de equipamentos eletrônicos do mundo e cada um desses aparelhos possui um pouquinho de ouro e outros metais importantes em sua composição.

O desafio

Para se ter ideia do tamanho do desafio, em Londres, por exemplo, os ingleses gastaram 9,6 kg de ouro, 1.210 kg de prata e 700 kg de cobre para fabricar as medalhas entregues aos atletas na olimpíada e paralimpíada de 2012. A quantidade de ouro é menor porque as medalhas de ouro possuem apenas 1,2% deste metal em sua composição. A base é feita, principalmente de prata. No Rio de Janeiro foram entregues 5.130 medalhas e a expectativa é de que em Tóquio o número seja ainda maior.

Leia mais

23 ago 2016

Em apenas 4 anos, casal transforma quintal em mini-fazenda urbana

Pós uma grave crise econômica, o casal Mike Hoang e Kim Willis se viu praticamente obrigados a se reinventarem. Eles saíram de uma grande cidade e se mudaram para a pequena Kalamzoo, cidadezinha que também passava por dificuldades econômicas. Com um quintal inutilizado e curiosidade sobre a permacultura, eles decidiram começar a plantar uma hortinha. Quatro anos depois eles até se assustam com o tamanho da produção obtida no próprio quintal.

Segundo eles, tudo começou com o conselho do professor de permacultura Bill Molison, baseado no pensamento do “pai” desde conceito, o australiano, Geoff Lawton, que diz: “O melhor lugar para começar é ao seu redor”. E foi assim que eles começaram um pequeno canteiro no jardim da residência.

Leia mais

19 ago 2016

Mexicanos transformam lixo plástico em casas de baixo custo

Buscando resolver dois grandes problemas das metrópoles: a falta de moradia e a destinação incorreta do lixo plástico, uma dupla do México desenvolveu um método para construção de casas utilizando resíduos plásticos.

São usados materiais plásticos que há em abundância pelas ruas: garrafas vazias e brinquedos descartados. A matéria-prima é derretida para formar grandes painéis, que são usadas como paredes e tetos.

Leia mais

18 ago 2016

Máquina de reciclagem troca 72 latinhas por uma passagem de ônibus em SP

A start-up de soluções sustentáveis Triciclo é dona da Retorna Machine, máquina que recolhe garrafas PET e latinhas de alumínio para reciclagem e, em troca, dá créditos para serem usados na conta de luz ou no Bilhete Único.

Em menos de um ano, as 17 máquinas espalhadas por São Paulo já coletaram mais de 300 mil embalagens, totalizando cerca de quatro toneladas de garrafas PET e aproximadamente duas toneladas de alumínio. Com isso, mais de R$ 6.000 foram revertidos em bônus nas contas da AES Eletropaulo e na recarga do cartão de transporte público.

As máquinas estão instaladas em estações do metrô (Pinheiros, Faria Lima e Sé), em supermercados e em alguns prédios e estabelecimentos comerciais.

Leia mais

17 ago 2016

Chuveiro com sensor desliga assim que a pessoa sai de baixo da água

O chuveiro é um grande vilão doméstico quando se trata de desperdício de água e energia. Desligar o registro é um jeito simples de economizar, mas nem todo mundo lembra deste simples detalhes na hora do banho. Por isso, Evan Shneider, um jovem norte-americano decidiu criar o OaSense, um chuveiro que desliga assim que a pessoa sai de baixo da água.

A lógica por trás do equipamento é muito simples: cortar o consumo de água e energia quando eles não são necessários. Isso significa não desperdiçar recursos enquanto o usuário está se ensaboando ou lavando o cabelo, por exemplo.

Com um sensor acoplado próximo à saída de água, assim que o usuário se desloca para fora da área do chuveiro, ele simplesmente para de funcionar, sendo retomado quando a pessoa retorna ao espaço. O processo é o mesmo das torneiras equipadas com sensores.

Leia mais

16 ago 2016

Confira 17 cursos do Senac on-line e totalmente gratuitos

O Senac (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial) oferece um total de 17 cursos profissionalizantes dentro do PSG (Programa Senac de Gratuidade). Os cursos são totalmente gratuitos, voltados para quem procura uma nova colocação no mercado e quer deixar o currículo tinindo.

A aprendizagem é feita on-line, na plataforma do Senac. Vale lembrar que todos os cursos disponíveis têm certificado de conclusão. Quando o curso está com inscrições abertas é só clicar no botão “Inscreva-se”. Caso contrário, aperte em“Registre seu interesse” para aguardar a próxima turma.

1. Agente de Desenvolvimento Socioambiental

2. Agente de Projetos Sociais

3. Agente de Viagens

4. Almoxarife

5. Assistente de Secretaria Escolar

6. Camareira em Meios de Hospedagem

7. Garçom

8. Governança em Meios de Hospedagem

9. Informática Básica com Internet e Mídias

10. LIBRAS Básico – Língua Brasileira de Sinais

11. Língua Portuguesa

12. Maître

13. Operador de Caixa

14. Operador de Computador

15. Recepcionista em Meios de Hospedagem

16. Vendedor

17. Vendedor de Produtos e Serviços Ópticos

Podem se inscrever aqueles cuja renda familiar mensal por pessoa não ultrapasse dois salários mínimos. É preciso preencher uma ficha com informações pessoais e assinar uma declaração de renda, após clicar em seu curso de interesse.

 

Fonte: Catraca Livre 

15 ago 2016

Máquina Transforma garrafas pet em blocos para a construção civil

O projeto, classificado em terceiro lugar nos Prêmios Professor Samuel Benchimol e Banco da Amazônia de Empreendedorismo Consciente – edição 2015 – cuja premiação ocorreu no último dia 27, em Porto Velho (RO), conforme Rocha também é uma alternativa para diminuir a poluição causada principalmente pelas garrafas PET, que são consideradas as grandes vilãs da poluição ao meio ambiente.

Rocha explica que é possível pegar o lixo que flutua nos rios de Manaus, contendo rótulo, tampa, resíduo de argila, musgo ou areia, submeter ao processo simplificado de aquecimento e misturar na “Creponeira”, que obtém um material semelhante ao asfalto, o qual colocado em moldes produz artefatos diversos, que poderão ser aplicados em três horas e utilizado na construção civil.

O economista, que trabalha na Divisão de Perfil e Desempenho (DPDES) da empresa Processamento de Dados Amazonas S.A (Prodam), destaca que a máquina protótipo chamada de Creponeira mostrou resultados consistentes para a área da construção civil. “Produzi bloquetes de pavimentação que serve para revestimento de praças, ciclovias, calçadas, além de pedras de meio fio, estacas de cerca, entre outros”, conta.

Leia mais

03 maio 2016

Franquias Ecológicas

As franquias ecológicas são empresas especializadas em alimentos naturais, produtos reciclados, suplementos alimentares, brinquedos, objetos decorativos, acessórios, lavagem a seco e muitos outros segmentos.

A empresa Camiseta Feita de Pet é uma franquia ecológica de produtos têxteis.

Nossos franqueados podem vender camiseta, baby look, regata e todo o mix de produtos que temos.

Além disso, podem escolher 11 tipos de negócios que cabem em qualquer bolso.

As franquias ecológicas hoje são responsáveis por abastecer um público que gosta de moda, mas não abre mão de saber a origem dos produtos, a cadeia produtiva e sobretudo como a empresa trata a questão ambiental.

Pensa em ter uma franquia ecológica ?

Acesse : www.franquias.camisetafeitadepet.com.br

30 abr 2016

Seja um franqueado Camiseta Feita de Pet

Seja um franqueado Camiseta Feita de Pet .

A primeira franquia móvel do Brasil para venda de produtos ecológicos!

Um projeto pioneiro formato pela única empresa que além de vender produtos ecológicos, retirou em 6 anos, 3 milhões de garrafas pet do meio ambiente.

Temos 11 modelos de negócios:

Somos uma rede formada por empresários que buscam resultados, sem descuidar do futuro do planeta.

Somos conscientes da responsabilidade social que é um dos pilares do nosso negócio e acreditamos que pequenas ações transformam o mundo.

Acreditamos que uma empresa se constrói com planejamento, engajamento e humanização.

Nossa empresa nasceu em 2008, num quartinho de 20 metros quadrados, na periferia de São Paulo. Com o lançamento do processo de franquias, nascemos para o mundo.

Já somos 16 revendas oficiais, 1 quiosque e em breve lançaremos nossa loja móvel.

Nossa fábrica está situada na zona leste de São Paulo,

Que tal conhecer um pouco mais sobre nós ?

Quer ser um franqueado de camisetas ecológicas ?

Acesse : www.franquias.camisetafeitadepet.com.br